Diário de Obra #2!

July 12, 2016

De volta à nossa empreitada, depois de feitos todos os projetos complementares ao arquitetônico ( elétrico, hidro sanitário e estrutural ), e devidamente aprovados, é iniciado a marcação da obra. Muito importante neste momento, é a presença do topógrafo para que tudo possa ser locado nos níveis definidos em projeto pelo profissional de arquitetura que o elaborou e coloque em sua cabeça que não existem terrenos planos, por mais plano que seja um lote, ele terá uma declividade que quando bem assimilada pode fazer toda a diferença !

 

 

Nesta obra, tivemos que vencer nove metros de desnível, e  que ficou super bacana (modéstias à parte) porque aproveitamos para colocar: nível 01 - garagem e serviços, nível 02 - área social e nível 03- área íntima, mas para este projeto você pode acessar a casa em cada nível da rua, sem subir nenhum degrau de escada ! Legal, né? Por estas e outras razões é que um profissional de arquitetura é tão imprescindível ! ;)

 

Uma coisa de extrema importância nesta fase da obra também é a impermeabilização, ao contrário do que muita gente pensa, ela deve iniciar-se lá embaixo, nas sapatas porque é exatamente este o primeiro local de contato com o solo, aonde o concreto por sua capilaridade, começa a transferir a umidade que após algum tempo vai começar a parecer nas paredes da sua casa... É um serviço barato e que compensa muito fazer. Hoje no mercado temos ótimos produtos como as mantas flexíveis, que por terem esta característica, acompanham as movimentações que podem ocorrer no solo prevenindo as rachaduras em sua superfície de proteção e portanto mostrando-se mais eficazes contra a passagem da umidade. 

 

 

 

As marcas líderes de mercado hoje, são a Viapol e a Bautech, já utilizei as duas e são ambas, são muito boas, entretanto a  maior recomendação que faço é: Nenhuma manta ou revestimento impermeabilizante aceita remendos, então, se quiser que seu serviço funcione, evite este tipo de ocorrência ! Depois de pronto, não fure as paredes, e não corte sua laje !

 

Erguidos os pilares e os vigamentos, e batidas as lajes, está na hora de começar a subir as paredes, muito importante neste momento já é começar a locar os pontos elétricos, definidos pela arquiteta lá no início do projeto em função do lay out da sua obra e que depois foi passado para o seu engenheiro elétrico para que ele pudesse definir as bitolas dos fios e o padrão elétrico da sua construção... Isso vale também para o projeto hidro sanitário e o estrutural, todo o escopo destes  projetos já deve vir definido no projeto arquitetônico que é passado aos profissionais de engenharia para servir de guia, para que desta forma sua construção tenha o mínimo possível de arestas ! 

Por hoje fico por aqui, mas (não vou marcar dia, porque tenho corrido d+++) eu volto dando mais dicas de como construir sem stresse ! Bjus ! <3

 

 

 

 

Please reload

Featured Posts

Arquitetura e eu

April 19, 2014

1/3
Please reload

Recent Posts

July 12, 2016

February 25, 2016

Please reload

Search By Tags
Please reload

Follow Us
  • Facebook Basic Square
  • LinkedIn App Icon
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square
  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • Google+ Social Icon
  • Pinterest Social Icon
  • Instagram Social Icon

© AM Arquitetura – Arquitetura | Design de Interiores | Paisagismo | Urbanismo

Arquitetura Especializada em Você !

Av. Benedito Valadares, 62 - Sala 502 - Centro - Caratinga - MG - Brasil

CEP.: 35300 035